Os Filme sobre Os Filósofos de Roberto Rossellini

-rossellini

 

Roberto Rossellini Nascido em família rica, Rossellini interessou-se pelo cinema por influêcia do avô, proprietário de uma casa de espetáculos, e fez algumas curtas-metragens. Foi durante o fascismo que iniciou carreira profissional como assistente de direção. Trabalhou depois como supervisor de filmes, como L’Invasore, de Nino Giannini, e Benito Mussolini, de Pasquale Prunas.
Fez-se notar no final da Segunda Guerra Mundial com três obras-primas: Roma, città aperta (1945, Prêmio de Melhor Filme do Festival de Cinema de Cannes), Paisà (1946) e Germania anno zero (br: Alemanha, Ano Zero, de 1947), tornando-se um dos expoentes do neorealismo do cinema italiano.
Teve um tumultuoso romance com a atriz Anna Magnani, de quem se separou para casar com a também atriz Ingrid Bergman.
Em 1963, Rossellini escreveu o roteiro (pt guião) de Les Carabiniers (br: Tempo de Guerra), de Jean-Luc Godard. Seus últimos trabalhos datam da década de 1960, quando fez filmes educativos para televisão. Faleceu em 1977, aos 71 anos, com um ataque cardíaco.

Aqui apresentamos a série de filmes de Rossellini sobre a vidas dos filósofos: Sócrates, Agostinho de Hipona, René Descartes e Blaise Pascal

 Os Filósofos do legendário diretor de cinema italiano Roberto Rossellini:

Sócrates, mostra o final da vida de Sócrates (470 – 399 a.C.), em especial seu julgamento e sua condenação à morte, com destaque para os célebres diálogos socráticos: ‘Apologia’, ‘Críton’ e ‘Fédon’, com seus últimos ensinamentos antes de tomar a cicuta.

Agostinho de Hipona, focaliza a principal fase da vida e da obra de Santo Agostinho (354 – 430). Com rigor histórico e realismo, o filme suas idéias e a realização de suas principais obras, como Confissões e Cidade de Deus.
Descartes em 3 horas de filme, realiza um retrato da vida de René Descartes (1596 – 1650) e de sua busca pelo conhecimento. Acompanhamos a escrita e publicação do Discurso do Método e de suas principais obras, o debate em torno do método cartesiano e seus estudos.
Blaise Pascal, nos apresenta a trajetória de Blaise Pascal (1623 – 1662), mostra seus célebres estudos de Matemática e Geometria, seus trabalhos revolucionários sobre o vácuo, os fluidos e a pressão atmosférica e a concepção de suas principais obras filosófico-religiosas.